Child's play (1988) (US)

Fizeram um boneco extremamente malvado pra ser a estrela desse filme. Um boneco psicopata.

Deixá-lo convincentemente enlouquecido, e ainda por cima parecendo vivo, deve ter sido o grande desafio deles. O truque foi caprichar nas expressões faciais. Muito realistas por sinal. Certamente não há similar no cinema praquela carinha perversa dele.

Além dos efeitos especiais bem feitos, as atrizes e os atores mantiveram-se sempre engajados. É daqueles filmes de baixa produção (pros padrões de Hollywood) cuja atuação do elenco faz o espectador perceber logo do início que o que se virá será algo de potencial.

Em termos de história, eles optaram pela clássica abordagem num tema sobrenatural: a resolução do ceticismo.

Colocaram um menino diante dum boneco que supostamente estava vivo. Pra mentalidade duma criança, um evento assim nada tão excepcional. Agora como os adultos à sua volta iriam reagir se ele passasse a divulgá-lo? Naturalmente nem sua própria mãe iria acreditar em tal fantasioso ponto de vista. E pra complicar toda a situação, o amaldiçoado boneco não é um boneco qualquer. É um boneco psicopata interessado em tirar sua vida. A luta pela sobrevivência desse menino é épica no cinema.

Ficha
  • Assustador
    • Sim
    • Nao
  • Açao
    • Alta
    • Baixa
    • Monotono
  • Baseado em
    • Historia
    • Cena
  • Historia
    • Pioneira
    • Sofisticada
    • Saturada
    • Fraca
  • Elenco
    • Muito bom
    • Medio
    • Poderia ser melhor
  • Recomendaçao
    • Alta
    • Media
    • Baixa
Conte-me a historia desse filme

Tudo começa com uma perseguição policial na rua.

Um bandido é alvejado e depois abandonado pelo comparsa que a tudo assistia na segurança dum carro. Dali a pouco ele arromba uma loja de brinquedos pra tentar se proteger do cerco. Não adianta. Um policial também se adentra na loja e o bandido leva uma segunda bolinha, que a tudo indica será fatal. O bandido era um tal de Estrangulador de Lakeshore. O sujeito, além de psicopata, também acreditava em bruxaria. Era devoto dum Demônio chamado Damballa. À beira da morte ele resolve pô-la em prática. Recita um encantamento e tudo acaba com ele transferindo sua alma pro corpo do boneco Good Guy recém-lançado no mercado.

Na próxima parte do filme, uma mãe solteira sem condições de pagar porum Good Guy novo pro aniversário do filho resolve dar ouvidos à sua amiga e comprar o boneco dum desabrigado que o havia encontrado pela rua. E assim o boneco psicopata irá parar na vida do menino Andy.

Inicialmente ele não tem intenção de machucar Andy, apenas usá-lo pra realizar pequenas tarefas. Uma delas é levá-lo até a casa do comparsa que o havia abandonado na perseguição policial do início. Ele se vinga do comparsa e parte pra se vingar do policial. Só que com esse último ele se dá mal e acaba se machucando.

Pra compreender como aquele corpo de boneco pôde se machucar, ele vai procurar seu mestre na bruxaria. Descobre que caso não transferir sua alma pra primeira pessoa da qual se revelou naquele novo corpo, ele ficará preso ali pra sempre. É a partir daí que começa toda a épica perseguição do boneco psicopata contra o menino Andy.